Terça-feira, 30 de Outubro de 2007

O colar de contas

Podia ser um colar de pérolas, mesmo pérolas verdadeiras, e assim sendo, certamente valeria muito. Mas este colar de que me apetece falar, não sendo desses, acreditem se quiserem, vale talvez muito mais.

Porquê? Bem, este colar tem efeitos mágicos sobre alunos e professores que o utilizam. Foi descoberto por alguém, não se sabe bem por quem, mas ao que parece, veio revolucionar o mundo da educação, no que concerne especialmente ao ensino da matemática 1º ciclo.

Nenhum professor que se preze de ser bom profissional, deixa de ter e utilizar nas suas aulas o dito objecto: o colar de contas.

Eu já tinha ouvido falar dos milagres que foram operados, quando começou a ser utilizado. Parece que houve um desabrochar   da capacidade de apreensão e compreensão de muitos conceitos matemáticos, principalmente o de número, entre outros.

Parece ser uma experiência até comovente, ver como os alunos reagem a este objecto, que tem tanto de simples como de eficiente. Se juntar-mos a tudo isto o  valor do seu preço, que é relativamente barato, facilmente constatamos, que realmente andamos a dormir mesmo..

Onde estaria toda a comunidade educativa deste país durante todos estes anos que não descobriram tal colar que opera milagres, e derruba qualquer material técnico pedagógico usado até então?

Estou cheia de curiosidade..por conhecer tal colar...

Estou quase a conhecer, e a minha emoção avança à medida que o tempo se aproxima..

Uma coisa que eu já sei, com o novo programa que aí vem, é que os alunos não devem conhecer o algoritmo sem entrarem no terceiro ano de escolaridade, pois eles, parece que só nessa altura sabem por exemplo quanto é..5+2.....e por aí fora, antes parece que não sabem, e eu que pensava que sabiam, não deixo neste momento de sentir, sentimentos de culpa, por tudo aquilo que ensinei e não devia..

Parece que aos poucos se começa a levantar o véu, do verdadeiro fracasso da matemática..

Agora com o colar de contas,  usado de norte a sul do nosso país, muita coisa pode mudar com os nossos alunos, pois eles sabem operar em qualquer frente.

Mais valioso do que qualquer colar de pérolas verdadeiras, só mesmo este colar, que veio trazer a alunos e professores a chave para o sucesso de grande parte da matemática.

Prometo falar do assunto, quando tiver mais dados..

 

publicado por luana às 18:52
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
Quarta-feira, 17 de Outubro de 2007

O sentido das coisas sem sentido

 

Parece não soar bem esta expressão, mas aplica-se muito no nosso dia a dia.

Quanto tempo da nossa vida não é gasto em coisas vazias de qualquer sentido ?

Eu pelo menos sinto-o cada vez mais..

No entanto, à falta de um maior  sentido crítico, ou de um olhar mais atento sobre as coisas, acabamos por não ligar. Instala-se o absurdo e convivemos com ele diariamente, achando-o perfeitamente normal. 

O interessante, é que se atribui um valor de grande sentido e rigor a um determinado procedimento, quando afinal, indo à essência directamente desse procedimento, acaba por se constatar que pouco ganho, ou vantagens acabou por proporcionar a alguém. Apenas atritos, confusões, mal entendidos..

Quem é professor sabe do que falo..

Cada vez a  nossa escola pública tem mais papéis.

Pergunto a mim própria, porque falha a escola no seu papel fundamental, que é o de proporcionar sucesso aos alunos e fazer igualmente as famílias destes, felizes?..

Não passará pela cabeça de ninguém, as horas que se perdem a escrever o mesmo assunto em vários papéis, com nomes diferentes, que até os próprios professores têm alguma dificuldade em distinguir.

Tudo é justificado exaustivamente através de relatórios, actas, ofícios, informações. Fazem-se planificações diárias, semanais, mensais, trimestrais, anuais. Fazem-se dezenas e dezenas de programas para alunos com dificuldade, relatórios a justificar o atraso no sucesso escolar. Relatórios a pedir apoio técnico de psicólogos e terapeutas. Outras dezenas de relatórios são recebidos para o processo do aluno, vindo alguns deles da parte dos técnicos a quem nós pedimos ajuda e algum apoio. Tudo é organizado metodicamente no tal processo  para que ali nada falhe, tudo esteja como manda a lei....não venha alguma inspecção ...

 Mas é interessante notar, que apesar de toda esta imagem de rigor que o ministério obriga a passar, continuamos na cauda da Europa. Na escola já os professores estão das 9h às 17h 30m da tarde, sempre de seguida com alunos, mas o insucesso continua...

Porque será?..

Já agora.. depois de tudo isto deixem-me partilhar convosco :

 Acabei de receber um relatório, que guardei no processo junto dos outros, que dizia, que quando puderem me darão algumas instruções de como devo agir com aquele menino que tem perturbações emocionais e atraso de desenvolvimento. Frisaram-me que apoio educativo não há. A responsabilidade será toda da professora de turma......

 

publicado por luana às 00:35
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
Quinta-feira, 4 de Outubro de 2007

Desabafos..

Cada dia que passa

sinto que a vida me pertence menos.

Apenas tu me pertences mais.

Cada vez mais, tenho a noção

bem presente

do quanto tudo na vida  é efémero.

Queria poder agarrar todo o tempo que passou

e gastá-lo apenas

com quem me encantou..

Nunca com quem mal me tratou.

Queria ter o tempo suficiente para

poder triunfar

para poder ecoar

num grito imenso

finalmente estou feliz

AQUI..

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

publicado por luana às 00:07
link do post | comentar | ver comentários (11) | favorito

.mais sobre mim

.posts recentes

. Trabalhar num TEIP

. Desvario..

. Infância Perdida

. Começa a cansar!...

. Má interpretação dos prof...

. Avaliação dos professore...

. Elogio ao beijo

. Maio

. Mudanças...

. Desejos

.links

.pesquisar

 

.favorito

. Memórias de Infância

. Comsentimentos

.arquivos

. Outubro 2009

. Maio 2009

. Fevereiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Maio 2008

. Março 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

blogs SAPO

.subscrever feeds